| CRÍTICAS | O Caça Polícias – Axel Foley

A carreira de Eddie Murphy é capaz de ser uma das mais peculiares do cinema. Nos anos 80, Murphy era uma das maiores estrelas do firmamento de Hollywood, transformando em ouro tudo o que tocava; depois, os filmes começaram a piorar exponencialmente, até que uma série de desastres épicos nos anos 90 o afastaram da […]

| CRÍTICAS | The Bikeriders

Os motards e a idolatria da mota têm o seu espaço próprio no cinema, criado por apenas dois filmes, separados por pouco mais de 15 anos: O Selvagem, em 1953, e Easy Rider, em 1969. Não deixa de ser curioso (coincidência?) que o novo The Bikeriders, filme da mesma família, apareça balizado por ambos no […]

| CRÍTICAS | Furiosa – Uma Saga Mad Max

Ainda se lembram de como eram antes de ver Mad Max – Estrada da Fúria? Nem nos nossos melhores sonhos imaginávamos que o regresso de George Miller ao seu universo pós-apocalíptico de um mundo árido e dominado pelos motores de combustão pudesse ser assim, tão glorioso. Mad Max – Estrada da Fúria foi um estrondo […]

| CRÍTICAS | A Doce Costa Leste

Quando começamos a ver A Doce Costa Leste existe algo de anacrónico que não conseguimos identificar imediatamente. Na verdade é apenas o granulado da imagem e as cores certas (ou não fosse Sean Price Williams, que aqui se estreia na cadeira de realizador, um dos grandes directores de fotografia contemporâneos), que remetem para um certo […]

| CRÍTICAS | Iron Claw

Os Estados Unidos são um país relativamente jovem e, por isso, não tem propriamente História. Portanto, contam-se pelos dedos de uma mão as manifestações culturais e artísticas exclusivamente norte-americanas. O jazz e o western são as mais conhecidas, provavelmente, mas logo a seguir vem a luta-livre. Não aquela que vai aos Jogos Olímpicos, mas a […]

| CRÍTICAS | Yannick

Quem costuma ir ao teatro já certamente que passou por uma situação assim. Uma peça tão má que só apetecia levantar, insultar os actores e sair porta foram. Quando Yannick começa, vemos apenas meia dúzia de minutos de “O Cornudo”, a peça de teatro que Pio Marmaï, Blanche Gardin e Sébastien Chassagne levam a cena, […]

| CRÍTICAS | Godzilla Minus One

38 filmes depois e 70 anos após o primeiro, Godzilla Minas One venceu finalmente o seu primeiro Óscar. Um verdadeiro exemplo de perseverança, que deve ser visto por todos os actores. Afinal de contas, Godzilla nunca destituiu de perseguir o seu sonho, de arrasar cidades e de continuar a alertar-nos para a ameaça do nuclear […]

| CRÍTICAS | Boa Noite, Mamã (2022)

É preciso começarmos a estimar mais Naomi Watts e a reconhecermos o seu contributo para o cinema de terror anglo-saxónico. Não só é a maior scream queen da sua geração, como tem refeito em língua inglesa muito cinema do mundo do género, dando-lhe uma visibilidade acrescida. Começou com o The Ring – O Aviso, passou […]