| CRÍTICAS | Baby Driver – Alta Velocidade

O Orange, do Jon Spencer, é capaz de ter uma das melhores entradas de sempre da história do rock’n’roll. Começa com uma malha de guitarra e bateria com um violino por cima e vai demorando-se até que, no seu modo de pregador desvairado, ouve-se thank you very much, ladies and gentlemen, right now I got to tell […]

| CRÍTICAS | É o Fim do Mundo

A equipa Simon Pegg/Edgar Wright/Nick Frost tem sido mais ou menos o equivalente inglês aos norte-americanos Judd Apatow/Seth Rogen/Evan Goldberg, mas com piada. Quer dizer, não é preciso sermos tão mauzinhos. Há que reconhecer que Appatow, Rogen e Goldberg não têm tido medo de arriscar e têm feito as coisas mais subversivas e mais engraçadas […]