| CRÍTICAS | Lady Bird

A estreia de Greta Gerwig na cadeira de realizador (ela, que é um dos principais nomes da comédia alternativa norte-americana, também já tinha dado provas como argumentista) é um daqueles filmes indie que há não muito tempo fez escola em Sundance e criou o seu próprio estilo. É uma espécie de comédia auto-depreciativa, mas extremamente consciente […]

| CRÍTICAS | Chama-me Pelo Teu Nome

Tal como o seu conterrâneo Paolo Sorrentino, o italiano Luca Guadagnino é um realizador que divide a crítica. Por entre os que não gostam dos seus filmes, a crítica que mais se houve é a de que fazem um cinema demasiado derivativo e/ou evocativo. Como se isso fosse necessariamente mau. É certo que este Chama-me […]