| CRÍTICAS | A Torre Negra

Neste ano de 2017, que deu particular destaque a Stephen King, A Torre Negra era, à partida, o filme mais difícil de adaptar (e sim, estou a considerar o It). Não é que seja melhor (ou pior) que os outros, mas A Torre Negra é o primeiro de uma série de oito livros, o que desde logo […]

| CRÍTICAS | Thor: Ragnarok

Um dos problemas das adaptações de Thor ao cinema sempre foi encontrar o tom certo entre o ambiente mitológico e a nossa realidade. Especialmente em Thor, isso nem sempre era feliz. A solenidade com que deuses vestidos de capa e espada chegavam às ruas de Nova Iorque aproximavam-no perigosamente de xungarias série b, tipo… He-Man – […]

| CRÍTICAS| Prometheus

Ridley Scott sentiu necessidade de regressar ao universo Alien, que criou em 1979, com a ajuda preciosa de gente como HR Giger, Moebius ou mesmo Jerry Goldsmith. Só que decidiu alterar a abordagem e, em vez de fazer um filme de criaturas, quis reflectir sobre a existência. Daí que o título do filme, Prometheus, não […]

| CRÍTICAS | À Procura de Dory

Por mais adeptos que tenha Os Incríveis, era a sequela de À Procura de Nemo a mais aguardada de todas do universo Pixar. Foi À Procura de Nemo que estabeleceu a Pixar no topo da cadeia alimentar do mundo da animação, destronando a Disney, líder incontestável desde… sempre. E Dory, a peixe com problemas de […]