| CRÍTICAS | Salve, César!

Desde o primeiro filme, Sangue por Sangue, que os irmãos Coen têm revelado o sem apreço pelos géneros clássicos de Hollywood. Nesse caso, era um neo-noir, mas quase 20 anos depois, com O Barbeiro, fariam o seu próprio film noir, a preto e branco e tudo, e mais recentemente experimentariam também o western, com Indomável. […]

| CRÍTICAS | Sorte à Logan

Steven Soderbergh interrompeu a sua reforma compulsiva, que havia anunciado após Por Detrás do Candelabro, desencantado com a indústria depois de não ter conseguido arranjar distribuidor para o filme, para fazer Sorte à Logan, um trabalho muito parecido com Ocean’s Eleven – Façam as Vossas Apostas. Parecido no conteúdo – afinal de contas, são ambos […]

| CRÍTICAS | G.I. Joe – Retaliação

G.I. Joe – O Ataque dos Cobra é, provavelmente, o filme mais desmiolado dos últimos tempos (de sempre?). Afinal de contas, não há muito mais por onde ir num filme de acção em que soldados lutam contra ninjas, não é verdade? Por isso, a suspensão da descrença tem que ser forte, muito forte, para se […]

| CRÍTICAS | G.I. Joe – O Ataque dos Cobra

Quando era puto se havia coisa que eu curtia mesmo eram os GI Joes. Tinha dezenas de bonecos desses e só não tinha mais porque não mos compravam. Havia qualquer coisa naqueles action figures articulados que só encontrava rival no Spectrum (isto foi muito antes de aparecerem as consolas da Sega e da Nintendo), mas […]